Make your own free website on Tripod.com
AMIGAS Online*
Atualizações | Clube das Amigas | Horóscopo | Comportamento | Cinema | Música | ESPECIAL VERÃO | Moda | Maquiagem | Cabelos | Namoro | Depilação | Alimentação e Dietas | ACNE | Celulite | Estrias | Cirurgias | Beleza | Anorexia e Bulimia | Bronzeamento Artificial | Amizades | Modelo | Pele | Perfumes | Saúde | Sexo | Etiqueta | Exercícios | Tatoo e Piercing | Sobrancelhas | Unhas

Home









Alimentação e Dietas

Verão em Forma!

Alimentação leve é fundamental no verão

O verão tá aí e com ele aquele calorzão que faz todo mundo ficar mole, com vontade de viver na praia. Nessa época, o corpo da gente perde uma grande quantidade de líquido, por isso é super importante beber muita água e sucos naturais, pra repor tudo o que foi eliminado.
Além de bebermos muito líquido, nós não podemos esquecer da alimentação. Ela deve ser leve, sem exageros. É o que diz a nutricionista Mariana Rosseto. Segundo ela, no verão o organismo demora mais tempo pra metabolizar os alimentos. Por isso, há uma grande necessidade de dar preferência a comidas fáceis de digerir.
Frutas, sucos naturais, verduras e legumes são ideais pra essa época. Saladas elaboradas, sanduíches naturais e tortas frias são uma ótima pedida. Lembre-se que comendo esse tipo de alimento, você também estará mantendo a forma. Mariana ainda afirma que é preciso evitar pizzas (que sacrifício!), cachorro quente, hambúguer e massas com molhos pesados.
A nutricionista preparou um cardápio básico pra você seguir neste verão. Com ele, você não passará fome e estará super bem nutrida, além de ficar bem magrinha e com a pele linda.

Café da manhã: 1 copo de leite com nescau ou café (com pouco açúcar), 1 fruta, 2 fatias de pão de forma ou 1 pão francês com margarina, requeijão ou queijo branco.

Lanche: 1 fruta

Almoço: salada à vontade, 2 colheres de arroz, uma concha de feijão, 1 bife médio, de preferência grelhado, e 2 colheres de legumes cozidos ou refogados.

Lanche: 1 copo de suco de fruta natural, 4 bolachas salgadas com geléia e 1 pote de gelatina.

Jantar: 1 sanduíche natural
Ingredientes: 2 fatias de pão de forma, 2 rodelas de tomate, folhas de alface, ricota ou queijo mussarela, 1 fatia de peito de perú e 1 colher de maionese light.

Fique Assim!

Cuide-se

Sabe aquelas gordurinhas que adoram aparecer quando você põe calça de cintura baixa e miniblusa?
Elas estão fora de moda de novo. É um martírio pras gordinhas e pra gente que tem uma barriguinha saliente. Mas calma, tudo tem uma solução.
Primeiro mude a alimentação, pois o mal funcionamento do intestino é um grande causador de gases e inchaços. Tome muita água pra ajudar. Faça exercícios, no mínimo três vezes por semana, corra, ande faça academia, mais faça.
Agora, se depois de tudo isso ela continuar ali, saliente e incômoda, então parta pra guerra e fale com seu médico sobre a medicina estética e suas técnicas para eliminar o excesso de gorduras e líquidos dessa região. Injeções de medicamentos e massagens manuais podem melhorar a circulação.
Existem algumas técnicas como massagens modeladoras, que são uma série de manobras e toques manuais sobre a pele, que ajudam a drenar o conteúdo líquido das células e a remodelar o contorno corporal.
As medidas realmente diminuem por meio dessa massagem vigorosa e o melhor, sem dor. As injeções que contêm uma substância (fosfatidilcolina) que é injetada na área pra provocar a ruptura e o esvaziamento das células gordurosas. Elas não tem contra-indicações e são rápidas e duradouras. Pra aquelas mais gordinhas uma lipo, que é o rompimento das células de gordura por meio de injeções de soro fisiológico associadas a aplicações de ultra-som.
Mas nada disso vai adiantar se logo em seguida você comer uma coxinha e tomar um copão de refrigerante, tenha consciência e cuide de você. Aposto que seu gatinho vai amar uma menina, em primeiro lugar saudável, que se cuida.

O verão tá quase aí e com ele aquele calorzão que faz todo mundo ficar mole, com vontade de viver na praia. Nessa época, o corpo da gente perde uma grande quantidade de líquido, por isso é super importante beber muita água e sucos naturais, pra repor tudo o que foi eliminado.
Além de bebermos muito líquido, nós não podemos esquecer da alimentação. Ela deve ser leve, sem exageros. É o que diz a nutricionista Mariana Rosseto. Segundo ela, no verão o organismo demora mais tempo pra metabolizar os alimentos. Por isso, há uma grande necessidade de dar preferência a comidas fáceis de digerir.
Frutas, sucos naturais, verduras e legumes são ideais pra essa época. Saladas elaboradas, sanduíches naturais e tortas frias são uma ótima pedida. Lembre-se que comendo esse tipo de alimento, você também estará mantendo a forma. Mariana ainda afirma que é preciso evitar pizzas (que sacrifício!), cachorro quente, hambúguer e massas com molhos pesados.

*Barriga?
Acabe com Ela! =)*

Tomou muito refrigerante e mergulhou no chocolate nas férias? Não costuma resistir a um bom hambúrger cheio de queijo e maionese? Sua postura não é lá grande coisa? Você não faz exercício? Então, provavelmente está ganhando como prêmio uma bela barriguinha!
Se você já começou a andar de blusa amarrada na cintura ou a encolher a barriga como contorcionista de circo, chegou a hora de dar um jeito nisso. Esconder a barriga não vai adiantar nada, até porque, se você não tomar providências, sua barriga vai continuar com uma certa mania de grandeza... Para acabar com ela, você precisará mudar alguns hábitos na sua vida. Mas pense na parte boa dessa história: no próximo verão, vai poder estrear aquele biquíni de arrasar sem que a "intrometida" atrapalhe.

*-*De olho no prato
Quanto menos calorias seu corpo tiver de queimar, menos gordura acumulada vai ganhar. Além da rima, essa é uma solução prática para quem não quer perder a linha. Ou seja, se você maneirar no tamanho do prato, não vai ter estoque de gordura que poderá parar justamente na barriga.
Você também precisa ficar esperta com o que come. Diminua principalmente a quantidade de doces, massas, chocolates, balas, batata frita e molhos cremosos, tipo maionese, manteiga, chantilly... Enfim, todos os alimentos muito gordurosos ou que contenham açúcar demais.
Outros alimentos, além de engordar, ainda provocam gases, dilatando o estômago e o intestino. Olhe a lista: refrigerantes, feijão, frituras, pão, queijo e enlatados, carne vermelha, embutidos como lingüiça, presunto, salame e salsicha. Estes últimos, mais o sal, ainda ajudam o organismo a reter água, o que acaba inchando a barriga.
Uma dieta balanceada com frutas, verduras, legumes e cereais é fundamental para quem quer uma barriga lisinha. Primeiro, eles contêm os sais minerais e as vitaminas que você precisa. Depois, ainda têm fibras que ajudam seu intestino a funcionar direito. Com isso, muita gordurinha que entra vai sair direto, sem se acumular. Dessa maneira você também não corre o risco de ficar com a barriga dilatada e dolorida.
Tome líquido antes ou depois das refeições. O suco e a água dilatam as paredes do estômago empurrando a barriga.
Concentre a alimentação mais pesada no café da manhã e no almoço. Assim, você vai ter o dia inteiro para queimar as calorias que consumiu. Prefira alimentos leves no jantar.
Coma devagar, mastigando bem os alimentos. Além de facilitar a digestão e aproveitar melhor os nutrientes, isso também evitará a formação de gases.

*-*Mantenha a postura correta
Você passa sentada grande parte do seu dia? Se a resposta for sim, habitue-se a sentar de maneira correta. A coluna deve permanecer reta e as costas apoiadas no encosto da cadeira. Deixe os pés no chão, à frente dos joelhos. Procure alinhar os ombros em relação aos quadris, como se por ambos passassem duas linhas horizontais paralelas. Para andar, a mesma coisa. Alinhe os ombros sem deixá-los caídos para frente ou muito jogados para trás. Lembrete importante: crie o hábito de contrair os músculos do abdômen, como se estivesse encolhendo a barriga. Dessa maneira, você estará fazendo um exercício permanente para tonificar a musculatura.

*-*Passe creme no local
A gente avisa de cara: cremes não fazem nenhum milagre. Por isso, não vai adiantar nada apelar para eles, na esperança de que, sozinhos, resolvam o problema por você. Mas há produtos que agem aquecendo a região. Com isso, provocam a dilatação dos vasos sangüíneos, facilitando a entrada de certas substâncias que ativam a circulação e aceleram a queima de gorduras no local. Esses cremes também costumam ser hidratantes, prevenindo as estrias.

Efeito Sanfona.

Efeito Sanfona: Afinal, o que é isso?
Você já deve ter ouvido falar do famoso efeito sanfona, não é? Pois é, ele funciona mais ou menos assim: uma pessoa gordinha resolve fazer aquela dieta, segue tudo à risca, e em pouco tempo está com uma nova silhueta, muito mais elegante. Só que após alguns meses essa pessoa, infelizmente, vai recuperando a antiga e arredondada forma.
Muitas pessoas repetem esse processo várias vezes, e pior, algumas ainda utilizam medicamentos moderadores de apetite, que agem no sistema nervoso central (SNC), o que não é nada saudável.
Há pesquisadores que afirmam que ser um gordinho permanente é mais saudável que ficar nesse ioiô de emagrece-engorda. Outros mostraram que quem toma inibidores de apetite associados a aceleradores artificiais do metabolismo, acabam tornando o próprio organismo mais preguiçoso: se ele recebe uma ajuda externa e não precisa trabalhar, ele não é bobo, e acaba se acomodando. Portanto, antes de se entupir dessas bolinhas pense bem no mal que você está fazendo a si mesma.
Outro ponto desfavorável aos indivíduos em eterna dieta é em relação às células adiposas: conforme engordamos aumentamos o número de células armazenadoras de gordura em nosso corpo, e quando emagrecemos essas células não desaparecem, elas apenas ficam murchas, ou seja, é só comer demais para que elas voltem a ocupar seu indesejado espaço.
Há um medicamento que age diretamente no intestino, inibindo a absorção de gordura, sem alterar o funcionamento do SNC. Só que apesar de todas as vantagens, se você por acaso acabar ingerindo um pouco mais de gordura em alguma refeição, prepare-se para perder um tempinho extra no banheiro!!!!
Enfim, não há nada melhor que aquela velha receita: coma menos (ou melhor) e gaste mais energia. Pode parecer difícil, mas é muito mais saudável e duradouro. Às vezes você nem precisa deixar de comer o que gosta, é só reeducar sua alimentação, comendo os alimentos certos nas horas certas.
Não custa tentar. Que tal consultar profissionais habilitados e competentes para ajudá-la?

Veja como e porque a BaRRiga ApaRece =(*

- Formada por músculos, líquidos e pele, a barriga não cresce e aparece por nada. Quando ela dá o ar da grandeza, é sinal de que uma ou várias causas juntas estão contribuindo para que isso aconteça. Por exemplo...
*GORDURA EXTRA
Se você está aumentando de peso, nem precisa esquentar a cabeça para descobrir por que o zíper da calça emperra a toda hora. Tudo o que você come a mais do que precisa significa alguns centímetros a mais pelo corpo inteiro. Mas existem algumas regiões do corpo que juntam mais gordura do que outras. A barriga é uma delas. O acúmulo de gordura localizada é o fator principal para que ela cresça.
*ALIMENTAÇÃO DESEQUILIBRADA
Não é apenas a quantidade de comida que causa estrago. O que você come também faz diferença. Todos os alimentos têm calorias que acabam se transformando em gordura - e uns são mais calóricos que outros. Quer um exemplo? Um pratão enorme de salada de folhas verdes, palmito e tomate e mais um suco de limão engordam bem menos do que uma barra pequena de chocolate. Traduzindo: os alimentos hipercalóricos - como os bombons, doces e pastéis devorados além da conta - vão, literalmente, acabar na sua barriga. Sob a forma de gordura!
*PREGUIÇA
Todas as calorias que você come se transformam em energia, a "gasolina" que a gente precisa ter para fazer funcionar o organismo. Quando você não gasta todas as calorias, elas acabam estocadas em forma de gordura. O resto da história você sabe ou vê cada vez que usa uma roupa justa. E não tem melhor maneira para que isso aconteça do que comer bastante e ficar sentada no sofá, sem mexer uma palha. Ou seja, quem não faz exercícios físicos vai se tornar uma séria candidata a ganhar barriga, mais cedo ou mais tarde. Quem sabe, mais cedo.
*HERANÇA GENÉTICA
Você é magrinha, mas sua barriga faz questão de aparecer? Nesse caso, você deve tê-la herdado da sua mãe ou do seu pai. O seu tipo físico, assim como a tendência a acumular gordura nesse ou naquele lugar, veio com sua herança genética. Para tirar a prova, dê uma olhada na sua família -pode incluir avós, tias e primas - e veja se não encontra outras pessoas com esse mesmo problema.
*POSTURA RELAXADA
Pare de ler por um minuto esta matéria e dê uma olhadinha na sua postura. Se você está largada no sofá ou na cadeira, com as costas curvadas para frente, encurtando a distância entre o tronco e as pernas, está propensa a ganhar uma bela barriguinha. O que também vai acontecer se, ao andar, não prestar atenção na sua postura. Quem caminha com os ombros jogados para frente faz com que o peso do corpo caia sobre a barriga. Com isso, os músculos da parte da frente do abdômen vão perdendo o tônus e ficam flácidos. Aí, além de grande, ela vai ficar molenga. Outra coisa: bumbum arrebitado também é um "veneno". Essa postura incorreta leva não só a um problema de coluna, conhecido como lordose, como a uma barriga saliente (O mesmo que houve com a feiticeira).

Cardápio de Verão

A nutricionista preparou um cardápio básico pra você seguir neste verão. Com ele, você não passará fome e estará super bem nutrida, além de ficar bem magrinha e com a pele linda.

Café da manhã: 1 copo de leite com nescau ou café (com pouco açúcar), 1 fruta, 2 fatias de pão de forma ou 1 pão francês com margarina, requeijão ou queijo branco.

Lanche: 1 fruta

Almoço: salada à vontade, 2 colheres de arroz, uma concha de feijão, 1 bife médio, de preferência grelhado, e 2 colheres de legumes cozidos ou refogados.

Lanche: 1 copo de suco de fruta natural, 4 bolachas salgadas com geléia e 1 pote de gelatina.

Jantar: 1 sanduíche natural
Ingredientes: 2 fatias de pão de forma, 2 rodelas de tomate, folhas de alface, ricota ou queijo mussarela, 1 fatia de peito de perú e 1 colher de maionese light.



Judy Winter
judyamiga@bol.com.br